Monitorização Remota TRANE
Informação profissional do setor das instalações em Portugal

GEOTA elege novos órgãos sociais

27/10/2022
João Carlos Dias Coelho foi reeleito como Presidente da Comissão Executiva para um segundo mandato.
foto
No final de setembro, em Assembleia Geral, o Grupo de Estudos de Ordenamento do Território e Ambiente (GEOTA) elegeu novos órgãos sociais. O antigo presidente – João Carlos Dias Coelho – permaneceu no cargo, para um segundo mandato. Na reunião foram também definidas as principais linhas estratégicas para o biénio 2022/2023.

“É com muito gosto que continuo a presidir à Comissão Executiva do GEOTA, sempre com o objetivo presente de continuarmos a reforçar a nossa estrutura, independência e trabalhar em prol do ambiente e da sustentabilidade. Trata-se de um desafio para trilhar em equipa, e que esperamos próspero, sendo que temos em vista alargar a nossa ação a iniciativas de cooperação e desenvolvimento a nível interno, europeu e lusófono”, explica João Carlos Dias Coelho.

Além da Comissão Executiva, foram ainda eleitos, com 90% dos votos, dois órgãos sociais – Mesa da Assembleia Geral e Conselho Fiscal, presididas por João Joanaz de Melo e José Macário Correia, respetivamente. O regresso aos órgãos sociais de Manuel Pinheiro, cofundador da associação (Professor Doutorado e investigador do IST) foi saudado, bem como especial referência ao estatuto histórico e de associado de Eugénio Menezes Sequeira (Agrónomo e investigador).

No que concerne a trabalhos atuais e futuros, João Dias Coelho informou que “o projeto Renature, dedicado inicialmente à serra do Monchique, está a alargar o seu âmbito ao restauro do Pinhal de Leiria e à Serra da Estrela, sendo que o financiamento dos projectos está a ser 100% privado nesta fase, pelo que espera maior contributo do Estado, caso do Fundo Ambiental e do ICNF.

Foi também referido o relançamento do CIDAMB - Cidadania Ambiental - para como Federação associativa de ONGAS intervir em ações judiciais na Defesa do Meio Ambiente e da legislação nacional e europeia, caso da Diretiva Quadro da Água, das Convenções internacionais e da proteção dos ecossistemas.

No que concerne à questão da estratégia para a água o presidente da GEOTA afirmou que para “além do projeto Rios Livres, “o qual espero que possa continuar com a promoção da sustentabilidade na gestão dos recursos hídricos nacionais, será também alargada a cooperação com o Conselho Nacional da Água e com a Empresa Portuguesa de Águas Livres (EPAL), e às associações do setor da água, caso da APDA e APESB”.

Entre as novidades, João Dias Coelho manifestou ainda a intenção de reforçar a área da Comunicação do GEOTA: “A associação irá relançar “O verde”, revista de referência do grupo nos anos 80 e 90, que, a partir de 2023, irá sair em edição semestral em formato digital, para que os grupos de trabalho do GEOTA possam divulgar as suas teses e opiniões, abrindo a mesma à sociedade civil e académica. A aproximação com a juventude e gerações académicas será fundamental para contribuir para uma nova mentalidade nas políticas de ambiente do futuro”.

Panasonic: a tua casa poupa. O planeta também.CEES 27 - 30 june 2023 Funchal / Portugal International ConferenceInstituto de Formaçaõ Vulcano

Subscrever gratuitamente a Newsletter semanal - Ver exemplo

Password

Marcar todos

Autorizo o envio de newsletters e informações de interempresas.net

Autorizo o envio de comunicações de terceiros via interempresas.net

Li e aceito as condições do Aviso legal e da Política de Proteção de Dados

Responsable: Interempresas Media, S.L.U. Finalidades: Assinatura da(s) nossa(s) newsletter(s). Gerenciamento de contas de usuários. Envio de e-mails relacionados a ele ou relacionados a interesses semelhantes ou associados.Conservação: durante o relacionamento com você, ou enquanto for necessário para realizar os propósitos especificados. Atribuição: Os dados podem ser transferidos para outras empresas do grupo por motivos de gestão interna. Derechos: Acceso, rectificación, oposición, supresión, portabilidad, limitación del tratatamiento y decisiones automatizadas: entre em contato com nosso DPO. Si considera que el tratamiento no se ajusta a la normativa vigente, puede presentar reclamación ante la AEPD. Mais informação: Política de Proteção de Dados

www.oinstalador.com

O Instalador - Informação profissional do setor das instalações em Portugal

Estatuto Editorial