Monitorização Remota TRANE
Informação profissional do setor das instalações em Portugal
Renováveis

Transição energética é vital para o futuro económico de África

O Instalador17/01/2022

Conclusão é de um relatório conjunto da IRENA e do AfDB.

foto

Relatório sugere a necessidade de uma estrutura política abrangente para um Acordo Verde Africano para ultrapassar as dependências estruturais, aumentar o PIB até 6,4% e criar 26 milhões de empregos até 2050.

Uma política integrada construída em torno da transição energética pode trazer uma onda de novos investimentos em energias sustentáveis para a África, fazendo com que a economia da região cresça 6,4% até 2050, revelaram resultados de uma análise publicada pela Agência Internacional para as Energias Renováveis (IRENA) em colaboração com o Banco Africano de Desenvolvimento (AfDB).

O relatório ‘Renewable Energy Market Analysis: Africa and Its Regions’ ('Análise do Mercado de Energias Renováveis: África e suas Regiões') mostra que a continente está a prosperar significativamente devido, em grande parte, às energias renováveis. Ao mesmo tempo, registam-se melhorias consideráveis no acesso energético como benefícios ambientais para as populações.

A visão para uma transição energética, alinhada com a ambição climática global, mostra que o continente pode gerar 26 milhões de empregos a mais do que no cenário de referência até 2050.

Os empregos criados através da transição energética em África compensariam, assim, as perdas dos empregos relacionados com os combustíveis fósseis, apresentando um ganho líquido significativo para as economias regionais. Atualmente, cerca de dois milhões de pessoas trabalham atualmente na indústria dos combustíveis fósseis em África.

“Muitas vezes, é solicitado aos governos africanos e populações que usem os combustíveis fósseis não sustentáveis para alimentarem o seu desenvolvimento quando as soluções de energias renováveis e eficiência energética oferecem alternativas economicamente atrativas e socialmente benéficas”, disse Francesco La Camera, diretor da IRENA, acrescentando que "a transição oferece uma oportunidade única para a África cumprir seus objetivos de desenvolvimento. Através de pacotes políticos customizados, os países africanos podem potencializar os seus recursos para ultrapassarem dependências estruturais estabelecidas há muito tempo”.

“África foi abençoada com recursos energéticos renováveis abundantes, nos quais pode basear seu desenvolvimento socioeconómico ambicioso. Entretanto, isso requer um forte compromisso político, uma estrutura de transição energética justa e investimentos massivos. O Banco Africano de Desenvolvimento está a apostar nessa transição energética, facilitando maiores investimentos no setor privado, através de instrumentos financeiros verdes, incluindo o Fundo de Energias Sustentáveis para a África”, adiantou Kevin Kariuki, do Banco Africano de Desenvolvimento.
O carvão, o gás natural e o petróleo, em conjunto, contribuem atualmente para aproximadamente 70% da geração elétrica total de África e a eletricidade convencional atrai muito mais financiamento que as energias renováveis em África.

É por isso que, defende o relatório, o financiamento da transição energética deve tornar-se acessível mais rapidamente. Em particular, esforços coordenados devem ser realizados para garantir que os gastos públicos – o setor dominante do financiamento da transição energética em África – prioriza claramente as energias renováveis.

Para conhecer em detalhe o relatório, aceda aqui.

42 Mostra convegno Expocomfort 28 jun - 1 jul fieramilano / 28 Jun - 6 Jul Digital ExperienceCriar bom ambiente faz parte da Vulcano2nd All Things Energy ForumKeyter: HVAC&R SolutionsDaikin: visite o nosso stand na Tektónica Pavilhão 02, stand 2B17Bosch: o ar condicionado perfeito todos? é simples. É BoschV Encontro nacional. Sistemas de automatização e controlo de edifíciosSistemas solares térmico Bosch. a Junkers agora é Bosch

Subscrever gratuitamente a Newsletter semanal - Ver exemplo

Password

Marcar todos

Autorizo o envio de newsletters e informações de interempresas.net

Autorizo o envio de comunicações de terceiros via interempresas.net

Li e aceito as condições do Aviso legal e da Política de Proteção de Dados

www.oinstalador.com

O Instalador - Informação profissional do setor das instalações em Portugal

Estatuto Editorial