Atlas Copco: vapor - caldeiras de vapor de 1,3 a 16 toneladas/hora
Informação profissional do setor das instalações em Portugal

FEL.PT deixa avisos sobre o Clima

O Instalador26/08/2021

Future Energy Leaders Portugal (FEL.PT) comenta o 'Sexto Relatório do Painel Intergovernamental para as Alterações Climáticas'. Avisa que cenário climático catastrófico é um “alerta para a necessidade de mais investimento em tecnologias de baixo carbono, aumento da eficiência energética e redução da utilização dos recursos energéticos”.

foto

No passado dia 9 de agosto foi publicada a primeira parte do 6º relatório do Painel Intergovernamental para as Alterações Climáticas (IPCC). Esta análise destaca-se pelo nível de abrangência técnica e por uma análise detalhada do registo histórico das alterações climáticas.

O relatório do IPCC indica que o limite de segurança estabelecido no Acordo de Paris para o aquecimento global (1.5°C acima dos níveis pré-industriais) será ultrapassado até 2040, de acordo com a trajetória atual de emissões de gases de efeito de estufa (GEE). No relatório, é ainda salientado que a década atual será fundamental para reduzir as emissões. Caso contrário, a probabilidade de as alterações climáticas causarem eventos climáticos extremos, como inundações, secas prolongadas, aumento da intensidade de ciclones, subida do nível de água do mar, entre outros, poderá ser fortemente amplificada.

Os FEL.PT reconhecem que o planeta, como o conhecemos hoje, enfrenta uma emergência climática que requer uma mudança sem precedentes, suportada em compromissos sociais de longo prazo e planos de transição energética eficazes e sustentáveis. O alarme crítico do IPCC deve ser visto como uma oportunidade dos governos e organizações expandirem o seu investimento não apenas em fontes renováveis de energia ou sensibilização do consumidor, mas também em tecnologias com maior eficiência energética e de baixo teor em carbono, como por exemplo a captura e armazenamento de carbono e a utilização de hidrogénio verde.

A organização reforça ainda a necessidade de a transição energética garantir não só a sustentabilidade ambiental, mas também a sustentabilidade económica e social, promovendo o acesso à energia com um custo comportável e universal, combatendo a pobreza energética.

“Note-se que o documento do IPCC deve servir de alerta para que a transição energética se centre numa utilização mais responsável, consciente e eficiente da energia e dos recursos que consumimos. Deste modo, é essencial a aposta na complementaridade das tecnologias de forma a garantir a segurança do abastecimento energético, sendo expectável um reforço do investimento em armazenamento energético e interligações elétricas entre países”, realçam os FEL.PT, em comunicado.

Os FEL.PT consideram que o alerta do IPCC deve atuar como um apelo ao diálogo sobre a restruturação das políticas públicas no plano da futura matriz do sistema energético mundial. O futuro energético passará por garantir o equilíbrio entre os três pilares estratégicos da energia - segurança energética, equidade e sustentabilidade ambiental - fomentando não só a descarbonização da produção de energia, mas também a promoção do aumento da eficiência energética.

O esforço mundial para atingir a neutralidade carbónica não deve centrar-se apenas na questão política, pese embora a sua relevância para estabelecer as políticas públicas nos planos de transição energética, mas numa mudança cultural.

Os FEL.PT acreditam que o sucesso desta transição apenas será possível com um compromisso amplo da sociedade civil e das suas instituições, em atingir as metas globais para um desenvolvimento socioeconómico sustentável e consciente. A nível nacional, os FEL.PT reiteram o seu compromisso em trazer estas temáticas a debate para que a descarbonização da economia seja executada de forma mais responsável e informada.

O FEL.PT é uma iniciativa que visa promover o debate sobre questões prementes do setor energético, ajudar a moldar soluções para o futuro do setor no contexto português, lançada pela Associação Portuguesa da Energia.

O programa FEL.PT assenta em ideias criativas com potencial inovador para desafiar o pensamento convencional e explorar novas estratégias para o futuro dos sistemas energéticos, oferecendo aos jovens profissionais uma oportunidade única de aprender, desenvolver competências e participar no debate de questões de energia.

Revistas O Instalador e Novoperfil - editora Induglobal - são media partners dos FEL.PT.

Jaba: tradução 4.0Portugal Smart Cities Summit 16 - 18  de nov. 2021 FIL - Parque das NaçõesBombas de calor Spirit inverterAPREN - Associação Portuguesa de Energias RenováveisDecorHotel: Fil - Lisboa 21 a 23 Out 2021Nova gama de Ar CondicionadoHisense: serie HI - AquaSmart menos emisiones de CO2Associação Portuguesa dos Engenheiros de Frio Industrial e Ar CondicionadoJunkers - Bosch a prpoxima mudança vai parecer-lhe familiarFujitsu ar condiionado mámixo siléncio mínimo consumoAdene: janelas eficientes só com etiqueta energética CLASSE+

Subscrever gratuitamente a Newsletter semanal Ver exemplo

Password

Marcar todos

Autorizo o envio de newsletters e informações de interempresas.net

Autorizo o envio de comunicações de terceiros via interempresas.net

Li e aceito as condições do Aviso legal e da Política de Proteção de Dados

www.oinstalador.com

O Instalador - Informação profissional do setor das instalações em Portugal

Estatuto Editorial