Atlas Copco: vapor - caldeiras de vapor de 1,3 a 16 toneladas/hora
Informação profissional do setor das instalações em Portugal

Savills desenvolve novo serviço tecnológico de monitorização dos espaços de trabalho

Redação Induglobal24/03/2021
Consultora imobiliária internacional aposta em serviço diferenciador que permitirá recolher dados, quer a nível energético, quer a nível de conforto ambiental, para além de possibilitar ainda a gestão da ocupação de espaços.
foto

A aposta na inovação e tecnologia, tendo como base a maior eficiência energética dos edifícios, é uma tendência que se torna cada vez mais uma realidade no setor imobiliário.

A Savills, consultora imobiliária internacional, está a avançar neste sentido, ao desenvolver um novo serviço tecnológico de consultoria em monitorização nos seus projetos.

Este novo serviço permite orientar e acompanhar os ocupantes e proprietários a recolher e analisar os dados das suas instalações, quer a nível energético, quer a nível de conforto ambiental.

Desta forma, após análise destes dados, poderá estudar-se o desempenho sustentável dos imóveis, controlando parâmetros de conforto ambiental e consumo energético dos mesmos.

Os proprietários dos edifícios poderão comunicar em tempo real quais os consumos que estejam a ser produzidos, permitindo desta forma gerir qual a eficiência energética ao minuto, e de que forma esta pode ser melhorada. 

Este tipo de serviço poderá estimular inquilinos e ocupantes a abraçar uma vida mais sustentável, a ajudar na poupança de energia, destacando o contributo individual de cada um no caminho para um estilo de vida mais sustentável, resultando num esforço global para reduzir a pegada ecológica dos espaços e das empresas ao mesmo tempo que se reduzem custos de consumo e de operacionalidade.

Sensores climáticos para melhorar o conforto

O conforto ambiental é um tema cada vez mais importante para explorar, visto que existe uma tendência cada vez maior de preocupação com o meio ambiente por parte dos trabalhadores. Em linha com este pensamento, as empresas têm de se adaptar a esta nova realidade, contribuindo para que os seus ativos se sintam bem no escritório e, consequentemente, melhorem a sua produtividade.

Desta forma, a aplicação de sensores climáticos permite analisar futuras melhorias que podem ser aplicadas nos edifícios, garantindo dados fidedignos para aplicar soluções de espaços de trabalho mais adequados, confortáveis e alinhados com novas tendências de trabalho que vivemos hoje em dia (teletrabalho e equipas espelho nos escritórios, por exemplo).

Os sensores climáticos poderão recolher dados como: qualidade do ar; quantidade de CO2 na fração; temperatura; humidade; presença de partículas no ar (PM); presença de gases nocivos no ar (VOC), entre outros, garantindo assim uma melhor perceção do ambiente que se vive no escritório e, de igual forma, perceber quais as melhores soluções que se podem aplicar para melhorar a qualidade de vida e de trabalho.

Além de sensores climáticos, o serviço desenvolvido pela Savills poderá permitir também uma melhor gestão de ocupação de espaços e de fluxos de ocupantes dos edifícios. Através da tecnologia, é possível reservar antecipadamente um local de trabalho ou uma sala de reuniões, através de uma aplicação no smartphone. Também é possível perceber a ocupação total do escritório em tempo real, permitindo às empresas gerir quantas pessoas se encontram a trabalhar naquele momento, visto que a pandemia trouxe novas limitações à ocupação dos espaços de trabalho. Ao mesmo tempo, permitirá aos gestores terem uma perceção clara da estrutura ocupada nos escritórios e de que forma podem rentabilizar ao máximo o espaço que têm disponível.

“O projeto de reabilitação MB4 Office é um dos espaços onde estamos a desenvolver este novo serviço de consultoria e monitorização desenvolvido pela Savills. Localizado na Av. Miguel Bombarda 4, este é um projeto que envolve vários departamentos da consultora desde a comercialização à gestão do imóvel”, explica o arquiteto Pedro Gomes, Associate Architect e Project Manager deste processo.

Hisense: serie HI - AquaSmart menos emisiones de CO2Portugal Smart Cities Summit 16 - 18  de nov. 2021 FIL - Parque das NaçõesBombas de calor Spirit inverterFujitsu ar condiionado mámixo siléncio mínimo consumoAssociação Portuguesa dos Engenheiros de Frio Industrial e Ar CondicionadoNova gama de Ar CondicionadoDecorHotel: Fil - Lisboa 21 a 23 Out 2021Adene: janelas eficientes só com etiqueta energética CLASSE+Junkers - Bosch a prpoxima mudança vai parecer-lhe familiarAPREN - Associação Portuguesa de Energias RenováveisJaba: tradução 4.0

Subscrever gratuitamente a Newsletter semanal Ver exemplo

Password

Marcar todos

Autorizo o envio de newsletters e informações de interempresas.net

Autorizo o envio de comunicações de terceiros via interempresas.net

Li e aceito as condições do Aviso legal e da Política de Proteção de Dados

www.oinstalador.com

O Instalador - Informação profissional do setor das instalações em Portugal

Estatuto Editorial