Atlas Copco: vapor - caldeiras de vapor de 1,3 a 16 toneladas/hora
Informação profissional do setor das instalações em Portugal

Universidade de Évora na transição verde e digital da Europa

O Instalador18/03/2021
CER-UÉ integra plataforma da Comissão Europeia.
foto
Representada por Luís Fialho, investigador da CER-UÉ, a principal área de colaboração desta cátedra da academia eborense surge inserida no Grupo Temático 6, que se foca na aplicação e integração de baterias estacionárias.

A Cátedra Energias Renováveis da Universidade de Évora (CER-UÉ) passou a integrar a Batteries Europe, uma plataforma de tecnologia e inovação da Comissão Europeia com o objetivo de desenvolver uma cadeia de valor de baterias inovadora, competitiva e sustentável, como componente estratégica da transição verde e digital da Europa.

Os trabalhos deste grupo de peritos incluem a identificação de necessidades tecnológicas para sistemas de armazenamento estacionário eficientes, exploração do papel das baterias para aplicações estacionárias, baterias de segunda vida e reciclagem, estudo de modelos de negócio para o sector ou a hibridização de tecnologias de armazenamento de energia.

Com a aprovação da candidatura que a CER-UÉ apresentou, “passamos a acompanhar os trabalhos e reuniões desta plataforma, de forma a potenciar os contributos para o setor e aprofundar a I&D que detém nesta área”, destaca o investigador.

A Batteries Europe “pretende acelerar o estabelecimento de uma indústria europeia de baterias, competitiva a nível mundial, de forma a impulsionar a implementação de ações de investigação e inovação na área das baterias”, avança ainda Luís Fialho, referindo-se ao Plano Estratégico de Tecnologia da Energia (SET, sigla original em inglês) e da Agenda Estratégica de Investigação e Inovação em Transportes.

Recorde-se que a plataforma Batteries Europe está inserida na European Battery Alliance (EBA), lançada em 2017 pela Comissão Europeia.

Criada em 2010, a Cátedra Energias Renováveis da Universidade de Évora tem como missão o desenvolvimento de soluções tecnológicas e aplicações da energia solar para a descarbonização de diferentes setores da economia: indústria e agricultura, geração elétrica, transportes ou comunidades.

Com importantes competências no domínio da ótica de concentração solar, a CER-UÉ lidera a INIESC – Infraestrutura Nacional de Investigação em Energia Solar de Concentração que, em parceria com o LNEG – Laboratório Nacional de Energia e Geologia I.P., visa o uso e desenvolvimento de tecnologias de concentração solar e de armazenamento de energia, de modo a potenciar o contributo da energia solar para a Transição Energética.

Junkers - Bosch a prpoxima mudança vai parecer-lhe familiarAdene: janelas eficientes só com etiqueta energética CLASSE+Nova gama de Ar CondicionadoPortugal Smart Cities Summit 16 - 18  de nov. 2021 FIL - Parque das NaçõesAPREN - Associação Portuguesa de Energias RenováveisAssociação Portuguesa dos Engenheiros de Frio Industrial e Ar CondicionadoHisense: serie HI - AquaSmart menos emisiones de CO2Jaba: tradução 4.0DecorHotel: Fil - Lisboa 21 a 23 Out 2021Bombas de calor Spirit inverterFujitsu ar condiionado mámixo siléncio mínimo consumo

Subscrever gratuitamente a Newsletter semanal Ver exemplo

Password

Marcar todos

Autorizo o envio de newsletters e informações de interempresas.net

Autorizo o envio de comunicações de terceiros via interempresas.net

Li e aceito as condições do Aviso legal e da Política de Proteção de Dados

www.oinstalador.com

O Instalador - Informação profissional do setor das instalações em Portugal

Estatuto Editorial